Skip to content

Cerâmica no time vencedor no Jogo das Estrelas; novos recordes nos Desafios

06/07/2010

Num dia ensolarado e perfeito para o beisebol, os praticantes desse esporte no estado reuniram-se no domingo passado para encerrar a temporada de 2010 da Liga Gaúcha de Beisebol com o Jogo das Estrelas, os desafios de habilidades, e uma cerimônia de prêmios. Realizado no Campo Esportivo da AFGD (Digicon) em Gravataí, o dia contou com mais que trinta atletas represen-tando os seis times da liga. Num espírito de confraternização os participantes competiram individualmente em seis desafios e disputaram em duas seleções o Jogo das Estrelas.

Desafios de Habilidades

O dia abriu com os desafios que testaram a competência dos jogadores em vários aspetos do esporte. De velocidade de arremessos até rapidez correndo as bases, os atletas esforçaram-se para mostrar suas qualidades e ser o melhor do estado. Esta segunda edição das competições foram organizadas novamente pelo técnico do Cerâmica, Chris Shirk, com propósito simular as atividades que fazem parte de um jogo real. Os melhores desempenhos foram citados numa cerimônia e os vencedores foram premiados. Somente um desafio teve o mesmo vencedor do ano passado.

Chris bateu recorde na corrida da
volta completa das bases.

Pelo segundo ano, Douglas do Farrapos (Porto Alegre) lançou o arremesso mais rápido (113 km/h) e teve a maior média de velocidade de três arremessos (111,3 km/h). Gabriel do Chimangos (Porto Alegre) teve os melhores lançamentos dos fundos do campo para o home plate e estabilizou um novo recorde, 0,42 segundos mais rápido do melhor tempo em 2009. O melhor tempo na corrida de 1ª base à 2ª base foi marcada pelo Felipe do Chimangos (25 m em 4,09 seg.); Chris e Tota do Cerâmica foram 2º e 3º colocados, respectivamente. O mais rápido correndo a volta completa das bases (4 x 27 m) foi Chris do Cerâmica que com um tempo de 16,32 segundos bateu o recorde do seu colega Leandro do ano passado por 0,03 segundos. De novo Tota acabou na 3ª colocação. Os melhores lançamentos por um catcher à 2ª base vieram do braço do Douglas do Farrapos.

O Home Run Derby decepcionou novamente como em 2009. Os desempenhos dos melhores rebatedores do estado ficaram aquém das expectativas figurativemente e literalmente. Com uma distância aos limites do campo variando de 70 m à 85 m e cada participante permitido dez tentativas, ninguém mandou mais que uma bola fora na 1ª fase da competição. Os seis que conseguiram isso voltaram para a 2ª fase com mais três tentativas. Douglas do Farrapos e Gabriel do Chimangos rebateram mais um home run com Douglas declarado o campeão por ter rebatido o home run mais longe.

Jogo das Estrelas

À tarde as seleções das duas divisões (chaves) da liga enfrentaram-se no Jogo das Estrelas. Os destaques de Cerâmica e Farrapos comporam a Seleção Central, com a Seleção Sul composta de jogadores de Seinenkai, Bromos, e Chimangos. Com os melhores jogadores gaúchos em campo, a partida teve uma qualidade acima do normal. Os arremessadores atuaram bem permitindo poucas rebatidas boas para dar a vantagem às duas defesas. Numa partida apertada, o ataque da Seleção Central teve um pouco mais sucesso e após cinco entradas venceu por 7 a 4.

Chris, Suda, Tota, e Jader atuarem para a Seleção Central, com Chris e Jader marcando corridas na sua vitória. Suda foi o arremessador títular dos vencedores e lançou duas entradas boas. Mesmo sendo no time perdador, o Eder do Bromos foi selecionado o destaque da partida, sendo 3-por-3 ao bastão e arremessando bom para duas entradas com três strikeouts.

Seleção do Gaúchão

Tota e Chris na Seleção do Gaúchão 2010

Na cerimônia de prêmios, a Liga Gaúcha de Beisebol anúnciou pela primeira vez os jogadores votados para a Seleção Gaúchão de Beisebol 2010. Representantes dos seis times da liga votarem entre os dezoito jogadores convocados ser titulares no Jogo das Estrelas. Os três candidatos do Cerâmica foram indicados entre os dez premiados: Gerson (Chimangos), Suda (Cerâmica), Alex (Farrapos), Tota (Cerâmica), Douglas (Farrapos), Célio (Farrapos), Ivo (Seinenkai), Chris (Cerâmica), Eder (Bromos), Tairone (Seinenkai). Chris foi um de três escolhas unânimes junto com Eder e Tairone.


Veja mais . . .

DESAFIOS DE HABILIDADES: Regulamentos e Resultados

FICHA TÉCNICA DO JOGO DAS ESTRELAS

Placar

Seleção Sul 0 3 1 0 0 4  
Seleção Central 2 0 3 0 2 7  

V – Célio
D – Tairone

Escalações

Seleção Sul: Tairone-S CF/P; Ivo-S C; Yoshiyuki-S SS; Sillero-S 2B; Eder-B P/CF; Pablo-B 1B (3ª Cristian-Chi 1B); Gabriel-Chi 3B; Gerson-Chi LF; Bruno-Chi RF

Seleção Central: Alex-F 1B; Chris-Cer SS; Jader-Cer 3B (5ª Felipe-Chi LF); Douglas-F CF; Bruno-F LF/3B; Suda-Cer P (3ª Célio-F P); Mário-F 2B; Tota-Cer C (4ª Suda-Cer C); Leonardo-F RF

Destaque do Jogo

Eder (Bromos/Seleção Sul): 3-por-3 ao bastão, boa atualização como arremessador para duas entradas com três strikeouts.

Anúncios
No comments yet

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: